Microsoft discute carreira e representatividade negra com jovens universitários

Share
“Na Microsoft, queremos refletir a diversidade da sociedade”, Jane Graziele, líder do BAM na abertura do Microsoft Minority Student Day

“Na Microsoft, queremos refletir a diversidade da sociedade”, Jane Graziele, líder do BAM na abertura do Microsoft Minority Student Day

“Saber que é possível escutar as pessoas, estar com elas no mesmo lugar, encontrar as semelhanças, tudo isso ajuda a entender que esse espaço também é nosso. Acreditamos que estar aqui é possível”, palavras de Cássia Simone, presente no Microsoft Student Day.

Negra, estagiária de serviços da Microsoft há sete meses e estudante de Relações Internacionais, Cássia era uma entre os 70 jovens universitários no evento, realizado na terça, 28, no Microsoft Technology Center (MTC), em São Paulo, e promovido pelo grupo de negros da empresa (Blacks at Microsoft ou BAM), em parceria com a consultoria Empodera!. “Quando falamos de diversidade, queremos dizer todo tipo dela. É muito bom trabalhar em um lugar onde você pode ser quem é”, disse Jane Graziele, líder de marketing do Bing para a América Latina e líder do BAM na Microsoft Brasil.

Leizer Pereira, fundador e diretor-executivo da Empodera!, afirma que um evento assim é importante para todos. “Esse espaço gera conexão, pertencimento, proporciona trilhas e abre o olhar para o desenvolvimento de carreira nos jovens. Faz com que eles acreditem que podem estar aqui também. Para a Microsoft, abrir as portas assim é investir na diversidade, acolher todos os grupos”, comentou.

Jovens de diferentes cursos de graduação ouviram histórias, conselhos de carreira e informações dos profissionais da Microsoft Brasil

Jovens de diferentes cursos de graduação ouviram histórias, conselhos de carreira e informações dos profissionais da Microsoft Brasil

Além de falar sobre representatividade negra, o evento foi um espaço para os jovens discutirem carreira e oportunidades dentro da própria Microsoft. “Esse é um evento que acontece no Brasil e nos Estados Unidos, buscando maneiras de acelerar a contratação de negros na empresa, além de desenvolvê-los profissionalmente”, disse Jane. “Acreditamos que para sermos uma companhia criativa, precisamos acolher a diversidade em todos os níveis.”

A programação foi repleta de discussões sobre carreira, tecnologia e o programa de estágio. Logo após a abertura, André Gonçalves, Partner Technical Architect, falou sobre ferramentas modernas de comunicação. “As coisas estão mudando em uma velocidade que não imaginamos. Os empregos mudaram com a tecnologia e as novas ferramentas de comunicação”, afirmou.

Em seguida, os jovens participaram de conversas com profissionais da Microsoft sobre o programa de estágio, carreira, tecnologia e o futuro do trabalho. Para encerrar o dia cheio de atividades, Leizer transmitiu uma mensagem de protagonismo e superação, incentivando todos a buscarem suas oportunidades.

Share