Privacidade e Windows 10

Manter a privacidade no mundo conectado em que vivemos é extremamente importante para cada um de nós e, por isso, agradecemos cada pergunta e retorno que recebemos desde o lançamento do Windows 10.

A confiança é um dos princípios mais importantes de nossa visão de Computação Mais Pessoal e sabemos que precisamos merecê-la. Investimos tempo para ampliar a documentação sobre essa abordagem no Blogging Windows e estamos postando conteúdos novos voltados a consumidores e profissionais de TI, desenvolvidos para complementar nossa  Política de Privacidade One Microsoft. Aguardamos a próxima série de perguntas e retornos para esses novos posts. Garanto que não há nenhuma outra empresa mais comprometida, mais transparente e que se esforce mais em ouvir seus clientes a respeito deste assunto tão importante.

Desde o início, desenvolvemos o Windows 10 tendo em mente dois princípios fundamentais para a privacidade:

  1. O Windows 10 coleta informações para que o produto funcione melhor para você.
  2. Você controla quais informações são coletadas.

Com o Windows 10, as informações coletadas são criptografadas até chegarem aos nossos servidores e, em seguida, armazenadas de forma segura. Enxergamos os dados que coletamos e deixamos de coletar em três níveis:

  1. Dados Seguros e Confiáveis

Coletamos um número limitado de informações que nos ajudem a oferecer uma experiência segura e confiável. Isso inclui dados como o ID anônimo de um dispositivo, tipo de dispositivo e dados de falha na aplicação, que são usados pela Microsoft e nossos parceiros de desenvolvimento para o aumento contínuo da confiabilidade da aplicação. Isso não inclui os seus conteúdos ou arquivos pessoais e tomamos todas as precauções necessárias para evitar a coleta de qualquer informação que o identifique diretamente, tais como nome, endereço de e-mail ou o ID de sua conta.

Um ótimo exemplo de como esses dados são realmente usados aconteceu no mês passado, quando dados agregados nos mostraram que uma certa versão de um driver de gráficos apresentou uma falha em alguns PCs com Windows 10, causando a reinicialização do sistema. Esse driver não é muito usado, mas, ainda assim, essa falha estava afetando os consumidores. Imediatamente entramos em contato com o parceiro responsável pelo driver e trabalhamos em conjunto a fim de entregar uma solução aos Windows Insiders em 24 horas. Usamos os dados em dispositivos de Insiders para confirmar a resolução do problema e, em seguida, apresentamos a solução ao público em geral por meio de uma atualização já na manhã seguinte – ao todo, esses dados nos ajudaram a solucionar um problema significativo em 48 horas.

Ao longo dos próximos meses, nossas atualizações de recursos para empresas darão aos clientes a opção de desativar essa telemetria, mesmo que nossa recomendação seja contrária a isso.

  1. Personalização de Dados

Temos como objetivo a entrega de uma experiência Windows prazerosa e personalizada, que se beneficie da obtenção de alguns dados a seu respeito a fim de apresentar uma experiência customizada. Por exemplo: se você torce para os Seattle Seahawks ou para o Real Madrid – assim poderemos oferecer atualizações sobre partidas e indicar aplicativos dos quais poderá gostar – ou armazenar as palavras que você mais digita em suas conversas por mensagem de texto e oferecer sugestões adequadas para completá-las. Você controla as informações que coletamos e pode atualizar suas configurações a qualquer momento. Lembre-se que novos recursos como a Cortana, que precisam de mais informações pessoais para entregar uma experiência completa, dão a você o poder de autorização de envio desses dados, além de acesso a opções de personalização de privacidade avançadas.

  1. Não Coletamos Dados de Anúncios

Ao contrário de outras plataformas, não importa qual opção de privacidade você escolha, nem o Windows 10 nem qualquer software da Microsoft verifica o conteúdo de seus e-mails ou outras comunicações e tampouco seus arquivos a fim de oferecer anúncios personalizados.

Seu Retorno Realmente Faz a Diferença

Ouvir o que você tem a dizer é a base do Windows 10, e isso se aplica também à privacidade. Temos uma seção de privacidade para nossos Windows Insiders sobre o app Windows Feedback, com o objetivo de estabelecer um diálogo detalhado a respeito da nossa abordagem de privacidade. Um exemplo de nossas respostas diretas sobre o retorno recebido é o envio a todos os clientes do Windows 10 de uma atualização de recursos para famílias, com configurações básicas desenvolvidas para torná-los mais seguros para adolescentes, comparado ao que já oferecemos para crianças menores. Além disso, estamos trabalhando em formas de melhorar as notificações para crianças e pais sobre suas atividades no Windows. Também iremos lançar atualizações para clientes empresariais com base em seu retorno ao longo dos próximos meses. A colaboração com os Insiders é fundamental para a nossa equipe e seguimos de portas abertas para quem quiser trabalhar conosco para o futuro do Windows 10 aqui.

Caso você se depare com uma situação em que o nosso software não esteja funcionando da forma como deveria em relação às suas configurações de privacidade, por favor entre em contato aqui. Além de questões relacionadas a segurança, estamos comprometidos em responder a todos os problemas relatados, avaliar continuamente nosso software com tecnologia de ponta e atualizar proativamente os dispositivos, sempre que necessário.

Gostamos muito deste rico diálogo que nos permite tornar o Windows 10 melhor para todos. Continuaremos a ouvir e responder e, assim, ganhar a sua confiança.

Obrigado,

Terry 

Postado por Terry Myerson, em Blogging Windows

  • Andréa Oliveira

    boa noite,
    por favor me ajudem meu menu iniciar não funciona mais. Está travado e não consigo abrir os itens da barra de tarefas no meu pc eu tenho o Windows 10.

    Andréa Oliveira